Bike the Bay: Do Fisherman’s Wharf até o Crissy Field

Nosso passeio começou no domingo por volta do meio-dia. Fomos de carro até lá, e a primeira decisão a tomar  é onde estacionar perto do Fisherman’s Wharf. A região é lotada de estacionamentos, um e mais caro que o outro. Optamos pelo estacionamento da esquina da Taylor com North Point Street, que eu já conhecia, pois costumo estacionar lá durante a semana. Os preços valem  pelo dia, e pagamos $ 20 pelo domingo; durante a semana, normalmente custa $ 10.

Andamos 1 quarteirão  até o Fisherman’s, e no caminho passamos por uma loja de aluguel de bikes, a Bay City Bike.

loja-bike-web

O aluguel ali custava $ 7/hora, mas resolvemos passar e alugar a nossa bike no Fisherman’s; afinal, os donos do ponto lá são brasileiros. O aluguel de bike na Blazing Sadles custa $ 8/hora ou $ 32 pelo dia todo. Pegamos nossa bikes no ponto do Pier 43 1/2, mas eles tem vários outros pontos em São Francisco.

blazing-1-web

blazing-2-web

Pra alugar a bike, você só precisa eencher uma ficha com informações e deixar um cartão de credito como depósito. Eles são super gentis, falam português e dão todas as instruções, mapas e telefones para contato antes de começar o passeio. Agora está tudo pronto pra começar o passeio, não  esqueça água e uma barrinha ou fruta, se a fome apertar no caminho.

O passeio começa no Fisherman’s Wharf, da onde você sai em direção à ponte. Passando pela Ghiradelli Square à esquerda:

ghirar-web

E o Aquatic Park à direita, com uns malucos nadando naquela água congelante.

aquatic-park-web

Logo depois do Aquatic Park, você entra no Fort Mason,e enfrenta  a primeira subidinha do caminho,

subida-fort-mason-web

mas antes,  aproveite a vista de Alcatraz.

vista-alcatraz-web

A subida é bem pequena, eu subi à pé empurrando a bike, mas muita gente sobe pedalando. Lá de cima, a primeira visão completa  da Golden Gate,

vista-ponte-web

E a Marina de São Francisco,

marina-web

Passamos pela Marina, desviando dos outros ciclistas, de  madames andando, de  garotões fazendo jogging e crianças brincando, e fomos sempre reto, em direção ao Crissy Field.

bike-033-crissy-web

No caminho, o mar está à sua direita, com a prainha. Em dias de vento (que você não vai querer estar ali pedalando), esse é o canto do kite board, e as velas coloridas tornam a paisagem ainda mais bonita.

prainha-web

No final do Crissy Field, depois da prainha, chega a parada pra ir ao banheiro, tomar água e comer alguma coisa.

crissy-web

A vista é linda pros 2 lados. De um lado, a cidade,

city-web

Do outro lado, o Fort Point lá na frente, quase em baixo da ponte  (dá pra ir até lá também).

fort-web

Até aqui deu 1 hora de passeio, com bastante calma. Você pode chegar só até aqui e voltar  (o que deve dar umas 2 horas de aluguel da bicicleta), ou pode continuar pra passar pela ponte. Como nosso destino final era Sausalito, descansamos bastante pra enfrentar  logo depois,  a única parte mais, digamos, íngreme,  do passeio.

Leia amanhã “Atravessando a Golde Gate de bike”

Leia também:

Bike the Bay: O melhor passeio de São Francisco

22 ideias sobre “Bike the Bay: Do Fisherman’s Wharf até o Crissy Field”

  1. Oi Patricia, vc pode fazer com uma bicicleta eletrica, alugada na Blazzing Saddles. O problema é que vc nào pode entrar com a “scooter”no ferry, e precisaria voltar com a bike pra SF. bj, M

  2. Ola Maryanne.
    Voce poderia informar o endereço da loja de aluguel de bikes na qual os proprietarios sao brasileiros?

    Grato
    Ari

  3. Oi Maryanne,
    Estou indo pra San Francisco no final de julho e adorei a sugestão do passeio de bike. Gostaria de saber o que fazer com a bike durante as paradas no passeio para comer ou ir ao banheiro, se devo levar um cadeado para prende-la ou a própria bike alugada ja vem com seu cadeado ou se nada disso é necessário.
    Bjs

  4. Oi Maryanne,
    todo esse roteiro de bike desde Ghiradelli Square até Sausalito dá p/ fazer de carro? Li vários posts seu dizendo q julho venta
    muito , então esse passeio maravilhoso pode ficar inviável.
    Tks,
    Sol

  5. Nao faz mal, as viagens sao assim mesmo. Que bom que deu pra els curtirem tudo tao bem. Eu achei o rainforest bem sem graça, mas vai ver que nao é pra adulto mesmo.

  6. Maryanne,

    Você tinha rãzão, era melhor ficar uma noite só em Monterey e seguir direto para SF depois do aquatio. Assim, de manhã já estaríamos na cidade… mas tudo bem, deu pra curtir basntante e eles adoraram, especialmente o Fisherman’s Wharf com os leões marinhos e o Rainforest do California Academy of Sciences!

  7. Que bom que els gostaram ,pois esse viagem deu um trabalhao pra vc preparar nao? Proxima vez, fique mais em SF, sem duvida.

  8. Oi Yeda, finalmente, e o tempo esta lindo! Bem tempo de outubro agora. Ceu super azul, sol gostoso e por do sol de babar todo dia. Adorei saber que vc curtiu tanto sua viagem. Vc nao contou o que seus filhos acharam.

  9. Oi Patricia, as subidas nao sao dificeis, mesmo pq dá pra descer da bike. Sao só 2, a primeira é bico e a segunda é um pouquinho pior, mas nada que faça desistir do passeio.

  10. Oi Marianne,

    Quer dizer que finalmente o sol saiu, né? Nesse dia que passeamos pela ponte estava muuuito vento, tinha até uns ciclistas, mas não era um bom momento para andar de bike. Fica pra próxima! Pra quem se interessar pelas fotos, e tiver facebook, é só me adicionar. Bjs

  11. Adoro seu blog! Comecei a ler há uns 5 meses atrás, para ajudar a planejar uma viagem para SF e LA.
    A viagem já ocorreu, foi em final de agosto, mas virei fã do blog. Aproveitei várias dicas, mas nossa viagem foi mais voltada para crianças.
    Ficamos em uma cidade aí perto, Cupertino. Vc conhece?
    Parabéns pelo blog apaixonante !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *