Um dia em Venice Beach

Você que vai pra Los Angeles e procura um programa com cara de praia do Sul da California, com muito sol, areia, calor e por do sol de matar, recomendo muito que você separe um dia pra passar em Venice Beach. Já tinha estado lá uma vez e visto toda a parte hippie da praia com montes de grafites, muitas lojinhas de tatuagem e muita gente fumando maconha. Já tinha minha opinião formada – Venice Beach não é pra mim – mas, por algum motivo, decidi dar uma segunda chance. E não é que descobri que existe muita praia  além das tatoos e grafites de Venice? E que eu amei o lugar?

Fiquei 3 dias em LA e aluguei um carro. Como já conhecia o básico, dessa vez resolvi ficar por minha conta e explorar a cidade de uma forma mais tranquila, focando nos lugares que realmente me interessavam, sem me preocupar com turismo. Os lugares que queria conhecer melhor, eram todos perto das praias, que acho que são a melhor parte de LA. Sendo assim, saí do hotel com meu carro alugado em direção à Venice Beach por volta das 10 da manhã. Dirigi por 20 minutos (usando o waze) e cheguei em Venice Beach tranquilamente. Chegando lá, o primeiro desafio foi encontrar um lugar pra estacionar. – dica – Não estacione nos becos, logo no início da praia, onde cobram $ 10 e embicam seu carro num cantinho. Procure os estacionamentos públicos, na beira da praia. Paguei $6 pra estacionar num lugar seguro, espaçoso e legalizado, sem surpresas.

As casas ficam sobre os canais, quase como em Veneza.

As casas ficam sobre os canais, quase como em Veneza.

Tem casas de todos os estilos. Olha os detalhes dessa cerca!

Tem casas de todos os estilos. Olha os detalhes dessa cerca!

De lá, andei em direção ao canais de Venice Beach, um dos lugares mais bonitos da cidade ( vou fazer um post sobre eles). São  10 minutos andando e você está em outro mundo. Adeus zona de maconha, tatuagens e skates. Os canais formam um bairro lindo pra se morar em paz, na beira da água, ao lado da praia, a outros 10 minutos de caminhada da Abbot Knight Street e 10 minutos de carro do centrinho de Santa Monica, com 1000 restaurantes bons e lojinhas. Já decidi onde quero me aposentar e fazer tours no futuro. 🙂

Toda a tranquilidade de Marina del Rey

Toda a tranquilidade de Marina del Rey

Depois de curtir muito andar pelos canais, voltei em direção à praia e aluguei uma bicicleta ( $ 9 a primeira hora e $ 3 as demais) e pedalei até Santa Monica ( esquerda) e depois até Marina del Rey ( lado direito). Só notei que estava andando de bike há 2 horas, porque  estava com muita fome. Voltei pra devolver a bicicleta e dessa vez, fui andando até a Abbott Kinney Boulevard, a rua hipster dos restaurantes e lojinhas de lá.

E as figurais locais desfilando no Abbot Kinney Blv

E as figurais locais desfilando no Abbot Kinney Blv

Almocei no Lemonade, mistura de restaurante natureba local e supermercado, lotado às 3:30 da tarde ( isso não existe em São Francisco). Comi  com a maior calma ( não parava de chegar gente),  passeei  pelas lojinhas e voltei pro ponto onde meu carro estava estacionado, em frente à praia. De lá, esperei o por do sol,  que foi um dos mais bonitos que já vi.

Por do sol em Venice Beach

Por do sol em Venice Beach

Esse é o primeiro de uma série de posts sobre Venice, Santa Monica e Malibu. Adorei todos  esses lugares e quero dividir tudinho com vocês.

3 ideias sobre “Um dia em Venice Beach”

  1. Oi Ragja, eu achei mais legal alugar anbike em Venice,pq tem menos gente e dá ora passear pelos canais. Depende muito do que vc prefere: muito buxixo ou uma praia mais zen. Acredita que nunca descobri o segredo de Malibu? Já fui lá com guia e nunca achei nada. Parece que só é legal para que mora lá pq é super exclusivo. bj,M

  2. Oi, meu nome é Radja e tenho pesquisado bastante sobre as praias de L.A. Estou na dúvida se é melhor alugar a bike em Santa Mônica ou Venice… Em Venice tem aquelas bikes dupla também? E o que fazer em Malibu? Pois só conheço o pier.. Brigada desde já. Adorei esse post!! Quero conhecer esses canais de Venice tb.. fugir do usual…
    Parabéns pelo post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *