Produto da semana: Primer de primeira

A dica da semana é raridade aqui no blog, já que em termos de maquiagem, eu sou a mais básica das básicas. Essa dica foi passada pela minha cunhada, e como estávamos juntas na loja, acabei comprando pra experimentar também  o HD – High Definion Primer, da Make Up For Ever.

hd_primer_20800

Pra vocês terem uma idéia, eu nem sabia pra que um primer servia (cá entre nós, eu nem sabia que existia), e foi preciso alguma lábia pra me convencer a comprar o produto. Mas não é que gostei mesmo? Pra quem é ignorante nessa área como eu, o primer serve pra fechar os poros e dar um aspecto mais bonito pra pele. Existem de várias marcas, mas parece que esse é o mais usado entre os bons maquiadores de São Paulo. Alias, foi assim que minha cunhada descobriu, quando foi fazer maquiagem em São Paulo.

Comprei o meu na Sephora e custou por volta de $ 40. No site tem um buscador pra encontrar a loja mais próxima de você.

Publicado em Compras, Produtos interessantes, São Francisco | 1 comentário

Escola de inglês em São Francisco – dica de leitora

Tenho recebido muitas perguntas sobre escolas de inglês em São Francisco ou Berkeley. Muitas pessoas me pedem indicações, e aí eu lembro dos tempos em que eu vinha pra cá estudar inglês, e como era difícil escolher escolas e conciliar opniões. Alguns amavam a escola, outros odiavam. Por isso eu sempre respondo que não indico escola de inglês, pois acho uma coisa extremamente pessoal.

E eis que recebo um comentário, daqueles super detalhados, da Nicoli, que além de contar sobre a estadia dela, ainda deu mil detalhes do curso de inglês que ela fez, na St. Giles, e adorou. A Nicoli também falou bastante da importância de escolher bem a família e o local onde ficar durante o período de estudo.  Aqui vai:

“Há quase um ano atrás eu estava planejando o meu intercâmbio em SF. Escolhi essa cidade depois de uma indicação de um amigo que já havia estado lá e ter me dito que era uma região segura e muito bonita!! Tive um pouco de dificuldade de achar referências de pessoas que já haviam feito intercâmbio em SF, e foi quando eu achei, na net, esse blog maravilhoso e completíssimo! A Maryanne foi uma pessoa de grande ajuda, pois a agência que estava intermediando a minha homestay havia me colocado numa região que vim a saber pela Maryanne e pela Fernanada ( grande ajuda tmbm, obrigada Fernanada!) que era uma região um pouco perigosa e afastada. Através disso consegui em tempo mudar a localização da minha homestay um dia antes de embarcar para SF!!! Por isso, amigos, digo: pesquisem bem a localiazação da sua homestay ou do hotel onde irão ficar!! Isso sem dúvida contribuiu para que eu tivesse uma estada mais feliz em SF!
Indico MUITO ficar numa homestay! A melhor coisa que fiz fui ter trocado de casa em tempo!! A minha família era MARAVILHOSA, assim como a casa onde fiquei! Fui feliz demais com eles nos 30 dias que lá permaneci.

A casa era limpa, bonita, e a família muito acolhedora! A comida era ótima, não tenho nenhuma reclamação a fazer! Nem deu tempo de sentir saudade da minha família do Brasil de tão feliz que eu estava lá, hahaha.

Fiquei numa região chamada Ocean Avenue! Lugar com casas lindas, ruas limpas! Parecia que eu estava num filme!! Hahaha. A minha casa ficava a uns 20 minutos da escola. Era só pegar o transporte público que eu chegava lá em pouco tempo! E o local era muito seguro!! Tanto é que andava tranquilamente depois das 22 h por lá e ainda sim me sentia muito segura.

A minha dica para quem está indo fazer um intercâmbio é: assim que for feita a escolha da homestay pela agência, que vocês verifiquem a localização na internet! Isso foi muito importante para eu saber que ficaria num primeiro momento numa região horrível, cheia de homeless e possivelmente perigosa.

A minha impressão sobre a escola onde estudei: A agência que intermediou meu intercâmbio ( CI ) me indicou 3 tipos de escolas, mas acabei optando pela St. Gilles Internacional. Graças a Deus, fiz uma ótima esolha! A esola ficava em uma das ruas principais, a Market Street ( bem de frente pra Forever 21! $$$$$, rsrsrsrsrs). Esta escola fica perto da Union Square e perto de TUDO o que você possa imaginar. Todas as lojas, bons bares, restaurantes, enfim! A localização é realmente excelente.

A escola em si é maravilhosa!! No primeiro dia que você chega , az um teste para ver em qual nível você melhor se encaixa. E no dia seguinte já começam as aulas no nível que Serpa indicado pela instituição. Tive um professor maravilhoso! Eu conseguia compreendê-lo perfeitamente, pois esses professores da St. Giles são treinados para lidar com alunos estrangeiros, de diferentes tipos de nacionalidades e sotaques. Isso ajudou muito, pois ele também conseguia me compreender muito bem. A escola divide-se em uns 4 ou 5 andares, se não me engano. Possui além das salas de aula, um espaço para os alunos interagirem, com cantina, sofás e computadores. Além de laboratórios com vários computadores para uso dos próprios alunos.

Recomendo muito a St. Giles!! Fiz grandes amigos lá e tanto a estrutura quanto o staff estão dentro dos padrões que eu já esperava! As pessoas que trabalham na escola são muito receptivos e estão sempre disponíveis a ajudar! Nota 10!

O que mais me encantou em SF foi as pessoas. Nossa, como são simpáticas e estão sempre disponíveis a dar qualquer tipo de ajuda! Amei amei amei! Eles gostam muito do Brasil e quando descobrem que você é brasileiro, começam a falar sem parar “obrigado obrigado”. Hahaha.

Eu aproveitava os finais de semana para poder passear por SF: Napa Valey, Monterey, Carmel… Lugares lindos de se visitar! Fiz vários passeios depois que eu saia da escola. Eu tinha aula pela manhã, depois aproveitava para passear por SF. Um dos passeios que mais me marcou foi ter atravessado a Golden Gate de bicicleta!! Gente é INCRÍVEL a vista que se tem quando atravessa a ponte!!! Dá ate uma dorzinha no coração em relembrar isso…. Quanta saudade!! Nesse dia fui com minhas amigas de bicicleta de SF até Sausalito!! A região de Sausalito é encantadora, super romântica! Mas eu só aconselho ir até lá de bicicleta se realmente você tiver muito, mas muito fôlego mesmo, porque levamos nesse passeio por volta de umas 2h30m para chegar lá de bike!!! Hahahaha. Acho que vale mais ir a Sausalito de Ferry Building e apenas atravessar a ponte de bike, pois realmente ir pra Sausalito de bicicleta é muito cansativo!!!

Não deixem de ir á Alcatraz, Lombard Street, Twin Peaks, Dolores Park, Fishermans Wharf… são lugares ótimos de se visitar, e de fácil acesso!! Na maioria das vezes depois das aulas eu costumava ir ao , Fishermans Wharf… só de ficar La, caminhando, apreciando aquela vida, isso tudo me trazia uma paz absurda, uma vontade única de ficar ali pra sempre!!!

Bom, espero ter ajudado com o meu relato! Fico feliz em fazer isso, pois lembro que na época que eu procurava informações sobre intercâmbio quase não achava mitos relatos sobre SF.  E espero do fundo do meu coração que vocês aproveitem muito cada pedacinho de SF como eu aproveitei…. chego a ficar emocionada de fazer esse relato e lembrar de tudo o que vivi naquele lugar, de como eu fui feliz como nunca havia sido!! Agora posso me juntar àquelas pessoas que dizem…. I left my heart in San Francisco…. eu deixei o meu lá, e um dia volto lá para buscar….. 

Um beijo e Obrigada Maryanne!”

Obrigada à você Nicoli, tenho certeza que seu post vai ajudar muito quem quer estudar e passear por aqui. Volte sempre! Um beijo e obrigada!

Publicado em California, Estudos, São Francisco, SF pra estudantes | 5 comentários

Six Flags em Vallejo

Cada vez tenho mais certeza quando eu falo que a Mari Vidigal do Ideias na Mala é minha salvadora. Como blogueira, eu muitas vezes fico na maior dúvida entre ir em alguma lugar que sei que não vou gostar, mas as pessoas vão, ou não ir e pronto. Isso acontecia há tempos com o parque Six Flags, de Vallejo. Pois não é que a Mari foi lá e fez um post ótimo?

Foto: Mari Vidigal

Foto: Mari Vidigal

O Six Flags é um programão pra quem vem pra cá com crianças. Precisa de um carro pra chegar, mas em meia hora você tá no parque e tem diversão garantida pelo dia inteiro. Melhor conferir o site antes de ir, porque eles tem uns horários bem estranhos.

A Mari conta tudo sobre o parque e as diversas opções de montanha russa, nesse link aqui.

Publicado em California, Passeios de 1 dia ao redor de SF, Programas pra adolescentes, Programas pra crianças, Programas pra locais, São Francisco, São Francisco de carro, SF pra estudantes | 5 comentários

Creme para as mãos, o meu preferido é..

Eucerin.

Conheci os tão famosos cremes Eucerin, quando minha sobrinha pediu uma leva deles numa das vezes que fui pro Brasil. Minha primeira reação foi reclamar do peso, até que ela me contou quanto custavam aí; mudei de idéia e aproveitei pra experimentar os tão falados cremes.

Pra mim, os cremes para o corpo não funcionam, não gosto de cremes espessos, e fico impressionada como as pessoas podem usar esses cremes grossos no calor que faz aí. Em compensação, um deles me conquistou pra sempre, o creme para as mãos.

eucerin_5_urea_handcreamA consistência dele é cremosa e não pastosa, e não tem cheiro forte. Você sente a mão ficar hidratada e macia, sem ficar pegajosa. E custa só $ 7. Perfeito, não?

Publicado em Compras, São Francisco | 1 comentário

Os edifícios estranhos da cidade

São Francisco é uma cidade que tem uma opinião formada à respeito de todos os assuntos. O importante não é ser a favor ou contra: o importante é ter opinião formada. O assunto arquitetura é um tema polêmico na cidade, com muita gente contra os edifícios muito altos, que correm o risco de transformar  o nosso skyline numa nova Chicago; mas isso, seria no futuro.

Quer queira, quer não, vários crimes(?) aquitetônicos foram cometidos na cidade, e estão aqui pra ficar. Aqui estão os 5 mais polêmicos:

Fotor0303144458

44 Montgomery, Russ Building, Transamerica Pyramid, 100 Van Ness, Arterra

44 Montgomery – Construído em 1966, é o único prédio da região em alumínio, os restantes são todos de pedra. Foi projetado numa época que se dava poa atenção aos pedestres, o que explica o fato dele dominar até a calçada.

Russ Building – Foi o prédio mais alto da cidade até 1964. O projeto é bem exagerado, cheio de detalhes na fachada e na entrada. Fica na 235 Montgomery Street.

Transamerica Pyramid – Construído em 1972 para ser a sede de uma empresa de seguros, o prédio mais alto da cidade, logo se tornou um símbolo de São Francisco. Antes de 11/9, eram permitidas visitas até o último andar. Fica na 600 Montgomery Street.

100 Van Ness – Inaugurado em 1972 para ser sede da California State Automobile Association,sempre foi visto como uma caixa de sapatos de concreto. Está sendo reformado e vai se transformar em prédio residencial, com janelas do chão ao teto.

Arterra – Construídos em 2008, e um dos poucos prédios verdadeiramente modernos na cidade, o Arterra faz parte do projeto Mission Bay. Os prédios forma construídos usando as modernas tecnicas para reduzir o impacto no meio-ambiente. Fica na 300 Berry Street.

Li essa reportagem no San Francisco Chronicle. O link pro original está aqui.

Publicado em California, São Francisco, Uncategorized | Deixar um comentário