São Francisco

Nosso hotel, o Amazonat

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Logo de cara tive uma boa impressão do hotel. O lugar era bonito e bem tratado, a selva à uma distância segura, e a comida, apesar de não ser excepcional, era boa (mas também acho que ninguém vai pra um hotel de selva atrás da comida).Nosso chalé era muito simpático e bem decorado, apesar da iluminação fraca.  Único senão: não tinha água quente.

Restaurante e ponto de encontro do hotel
Caminho dos quartos pro restaurante (onde encontramos a aranha)

Quando liguei pra lá antes de ir, me falaram o seguinte – “se preocupe não, aqui é muito quente, cê vai vê, num precisa banho quente não.”  Não é bem assim, apesar do calor infernal, às 7 da noite quando saíamos da piscina pra tomar banho e lavar o cabelo, não era nada agradável entrar em baixo daquela  água fria.

Piscina com temperatura perfeita

Amazonat

As refeições e os passeios estavam incluídos na diária. Passamos um dia no Rio Amazonas, um dia no Rio Urubú, um dia na mata, e na volta pra Manaus, nos levam ao encontro das águas. Na minha opinião, o pacote de 4 noites seria ideal, pois acabamos ficando um dia inteiro no hotel, pois não havia novos  passeios pra fazermos. Mas não foi nada mau nadar no lago e  na piscina por um dia todo, sem horários pra nada.

Lago do hotel, delícia pra andar de caiaque e nadar

O hotel tem um telefone fixo ( que ficou sem funcionar 1 dia), e a conexão de internet existe, mas é péssima. A luz chegou à cidade mais próxima somente 3 anos atrás e acontece muita oscilação de força no hotel. Então, vá preparado pra aventura, mas vá. Você nunca vai esquecer tudo o que viu  por lá.

A selva, bem pertinho da gente…
A Laura, arara mascote do hotel, chata que só ela. Adorava ir atrás de um pé pra bicar.
Assinar
Notificar de
guest

4 Comentários
o mais novo
mais antigo
Inline Feedbacks
View all comments
Michelle
Michelle
12 anos atrás

Uma alternativa para os hotéis de selva são os cruzeiros pelo Rio Negro, eu fiz um pelo Clipper Premium e adorei! A comida era excelente, e a experiência é mais imersiva na floresta, porque navegar à noite, e ver a imensidão da floresta é algo de muito impressionante.
Pra ajudar quem quiser ir, postei relatos da viagem à Amazônia no meu blog: http://impressoes-de-viagens.blogspot.com/search/label/Amazonia

Rubens
Rubens
12 anos atrás

Maryanne, e os preços? Dizem que os hotéis de selva são caríssimos. Dá para dizer mais ou menos o que eram as refeições?