O que Fazer?

Novo caminho para o Marin Headlands

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Ultimamente tenho encontrado o antigo caminho para o Marin Headlands fechado. Isso quer dizer que se você não souber como chegar no desvio, nao vai conseguir chegar no ponto onde ficam as melhores vistas da Golden Gate. Leia o post e veja o vídeo para encontrar o novo caminho para o Marin Headlands.

Nas últimas vezes que estive no Marin Headlands, encontrei a subida saindo da 101 interditada e placas de desvio por todo lado. No início achei que o desvio funcionassea apenas durante os finais de semana, numa tentativa de domar o caótico trânsito que se instala no local. Afinal, os turistas querem subir, descer, estacionar, tirar fotos da vista, tudo junto , misturado e ao mesmo tempo. Mas aí a Maria, do @onceuponatownsf, que dirije bastante pela cidade, me contou que já tinha visto o desvio em funcionamento também durante a semana.

Depois disso ainda procurei informações adicionais na internet, mas não achei nada. Então, vou contar pra vocês como acessar o desvio para chegar no Marin Headlands e ter vistas incríveis da Golden Gate Bridge.

Primeira parte do desvio, logo após a Golden Gate Bridge

Para acessar o desvio do novo caminho para o Marin Headlands, você deve entrar à direita, logo após a ponte, seguindo a placa “Sausalito”. Logo no início da descida ( Alexander Avenue), a placa “GG Bridge Scenic Views” já estará visível e você deve virar a esquerda, como se fosse para o Fort Baker. Na sua frente, um túnel do início do século XX, vai mostrar que está no caminho certo.

A partir daí, a estrada está muito bem sinalizada, o desvio não dura mais que 10 minutos em dias normais, mas já demorei mais que o dobro do tempo em finais de semana.

Novo caminho para o Marin Headlands

Passando o túnel, você vai sentir que está muito longe da cidade, quase no campo. Vai passar por uma vilazinha tranquila e virar à esquerda. A partir daí é só subir a montanha até chegar ao topo, onde tem um rotatória. Olhe para a esquerda e já vai ver a ponte lá embaixo.

Nessa descida é que foram feitas as maiores mudanças. Além da mão única, que agora só desce, quando o lugar está cheio, só é permitido estacionar na pista direita. Isso mesmo, na pista que anteriormente descia. A pista esquerda é usada para o tráfego dos carros. Apesar desse novo formato ter criado mais vagas para estacionamento, também ficou mais difícil dar aquela paradinha básica quando estiver lotado.

Qual é o melhor mirante?

Quando começar a descer, vai encontrar os dois primeiros mirantes mais vazios. Isso porque a vista desses dois não é a melhor, pois a montanha dos Headlands, fica na frente. Na minha opinião, o melhor mirante é o terceiro, ou penúltimo para quem está descendo. Ele tem a vista mais completa da ponte e cidade ao fundo.

O último mirante também é muito disputado, mas só vale a pena parar ali se estiver disposto a caminhar uns 10 minutinhos até a ponte e chegar bem pertinho dela. Além de ser o mais difícil de estacionar, venta loucamente. Lembro de uma vez que estive lá, em que o celular quase voava da minha mão e não consegui tirar nenhuma foto sem tremer.

Veja o novo caminho para o Marin Headlands, em detalhes, no vídeo abaixo:

Quer conhecer São Francisco comigo? Ofereço tours de 4 e 6 horas pela cidade. Clique no banner abaixo:

Deixe um comentário

avatar
  Assinar  
Notificar de